Releases

A Gravidez em casais homoafetivos

Cada vez mais casais homoafetivos procuram clínicas de reprodução humana para terem os seus filhos. Essa busca, que já não é fácil para os casais heterossexuais, é muito mais desgastante para os homoafetivos, pois além de encararem as dificuldades comuns e já esperadas do tratamento, enfrentam o preconceito. A sensação discriminatória pode ser sutil ou evidente. Veja mais

Infertilidade masculina. O problema também pode ser deles

Desde o passado mais distante sempre coube à mulher a responsabilidade pela concepção, ela devia receber a semente do homem e procriar. Por isso, a pressão da sociedade era maior em relação à esposa do que ao marido. Quando o casal não conseguia ter filhos a mulher era sempre responsabilizada pelo problema. A infertilidade era vista como um defeito biológico que levava ainda mais as mulheres a alimentarem o sentimento de inferioridade e de culpa, consideradas vítimas da repreensão divina que determinava que elas não fossem merecedoras da benção da procriação. Veja mais

Sindrome dos Ovários Policísticos, um mal que prejudica a saúde feminina

“Estima-se que este mal atinge no mundo cerca de 100 milhões de mulheres. No Brasil, segundo o último senso do IBGE de 2000 foi detectado que podem existir 2,5 milhões de mulheres com esta síndrome, cerca de 800 mil mulheres no estado de São Paulo, 300 mil no estado do Rio de Janeiro, 180 mil no estado do Paraná e 400 mil no estado de Minas Gerais.” Veja mais

A perda da fertilidade no decorres da idade

O número de homens e mulheres que desejam ter filhos em uma idade mais avançada vêm aumentando nos últimos anos. Os motivos para isto acontecer são diversos. A intensa vida profissional da mulher visando o sucesso de sua carreira, a estabilidade financeira do casal ou o tardio desejo de ter filhos. Consequentemente, com isso, aumenta o interesse pelo efeito do envelhecimento na capacidade de ter filhos. Veja mais

Mulheres solteiras e os tratamentos da Reprodução Assistida

Embora a maior parte das mulheres que procura os tratamentos de infertilidade seja casada, nos últimos anos, vem aumentando o número de mulheres solteiras que desejam ter filhos. Nestes casos, a única maneira de ficarem grávidas, será por meio do banco de esperma. Muitas ainda tentam procurar a ajuda de um amigo solidário que se proponha a doar seu sêmen para uma inseminação com o compromisso de que ela, a futura mãe, jamais exigirá dele as obrigações e o reconhecimento de um progenitor. Veja mais

Copyright 2009 LaVidapress Todos os Direitos Reservados